IPI para motos sobe 35%, a partir de 1º de setembro

Depois de anunciar a tão aguardada redução de IPI para carros, o governo divulgou hoje outra notícia relacionada ao imposto, mas essa certamente vai desagradar muitos brasileiros.

A partir de 1º de setembro, as motocicletas importadas ou produzidas fora da Zona Franca de Manaus pagarão uma alíquota de 35%, independente de sua cilindrada. Antes, a cobrança estava diretamente relacionada a isso. Modelos com até 50 cc pagavam 15% do tributo, e as demais, 25%. Motos com mais de 250 cc, importadas, já pagavam os 35% que estão sendo instituídos agora.

O governo estima que o aumento, que não tem prazo de validade, vai gerar 121.890.000 reais aos cofres públicos, todos os anos.