Nissan deve acelerar as obras de sua fábrica no RJ, diz Ghosn

Depois que Brasil e México finalmente entraram num acordo, era apenas uma questão de tempo até que algumas montadoras começassem a sentir os efeitos da decisão.

Com a limitação das unidades que podem vir do México para cá, a construção de fábricas no Brasil se tornou ainda mais necessária. Prova disso foi o que disse Carlos Ghosn, CEO do Grupo Renault-Nissan, em entrevista à agência de notícias Bloomberg.

Segundo ele, a construção da fábrica em Resende, no Rio de Janeiro, deverá ser acelerada em breve. Apesar de sua declaração, a marca ainda não divulgou oficialmente um novo plano para concluir as obras. A expectativa inicial era de iniciar a produção em 2014, entregando cerca de 200.000 unidades por ano.

Na nova planta serão feitos os modelos March e Versa, mas isso deve mudar em pouco tempo. A intenção da Nissan é lançar 10 novos veículos por aqui até 2016, aumentando sua participação de mercado de 1,7%, para 5%.

[Fonte: G1]